terça-feira, 18 de maio de 2010

Bons tempos...

Não sei se é saudade de um tempo que não volta mais, se é angústia por não ver solução para certos problemas, se é o excesso de trabalho, se são só os malditos hormônios me atormentando ou se é uma mistura de tudo isso, mas o fato é que ando bem melancólica ultimamente.

Por que será que a vida de gente grande tem que ser tão complicada?

Se pudesse, voltaria no tempo para aproveitar mais aquela fase em que era tão fácil acreditar que tu ia dar certo.

4 comentários:

  1. Nossa, Vi, falaste tudo. Eu ando muito assim ultimamente.E, senão, pelos mesmo motivos, por muitos deles citados acima. Que coincidência, mas hoje postei um poema do Drummond, que fala sobre o ser, e tbm sobre essa imposição de se saber o que se quer ser... Às vezes até sem ser. Enfim, é certo que em algum momento temos que crescer e fazer escolhas. Mas há dias que tudo o que eu queria era ter a esperteza e a inocência de uma criança. Poxa, acho que eu cresci! hehe. Saudades tuas, prof! Sei que agora é assim que a maioria das pessoas te chama. Tá famosa! ;) Beijooos

    ResponderExcluir
  2. Já que é para comentar, esse espaço aqui, vou ter que fazê-lo. Guria eu comi um s, no 1º comentário, daí resolvi reescrever... E lendo percebi que comigo outro, então, agora vai ficar assim. Mas que ficou engraçado ficou! hehe

    ResponderExcluir
  3. Vivi, eu também tenho essas etapas melancólicas com muita frequencia. O negócio é por um sambao, dancar, olhar lá pra frente para o futuro e nem olhar mais para trás. O que foi, foi.. Ainda bem que ultimamente estou aprendendo a fugir desses momentos de saudades, quando me pego pensando, imediatamente desvio meus pensamentos e tento ver todas as coisas positivas que fiz e sigo fazendo!!
    Te amo mucho,
    Nana

    ResponderExcluir